3 HÁBITOS DE
INVESTIDORES "ATIVOS"
ALTAMENTE EFICAZES

Capital em risco. O valor dos investimentos e o seu rendimento podem diminuir ou aumentar e não são garantidos. O investidor poderá não recuperar o montante investido originalmente.

A BPAS (Soluções e Análises de Carteiras da BlackRock)1 ajudou mais de 600 instituições europeias2 a avaliar e reposicionar carteiras existentes e a construir novas propostas. Catalisadores reguladores e o desejo de permanecer competitivo estão a levar gestores discricionários, diretores de propostas consultivas, gestores ligados a unidades e a fundos de fundos a perguntar:

Como adapto os meus processos para abordar o facto de que os meus investidores finais querem mais pelo seu dinheiro, diante de um maior escrutínio sobre a adequação dos investimentos e a transparência de custos?

Acreditamos que um mundo complexo e em rápida mudança exige uma nova abordagem à construção de carteiras. Refletimos sobre três hábitos que são partilhados por alguns dos nossos investidores "ativos" mais eficazes.

Faça o download agora

novaabordagem
  • 1

    Compreender ativamente
    a sua carteira

    Os investidores estão cada vez mais a mudar os seus processos de seleção de fundos para a construção holística de carteiras, com uma forte ênfase na tecnologia para inspecionar o alinhamento das carteiras com os resultados desejados. Tem uma visão holística de ativos diversificados da sua carteira?

  • 2

    Combinar e identificar
    ativamente fontes de rendimento

    Os investidores estão a começar a superar a dicotomia desatualizada entre "ativo ou passivo". Estes compreendem a importância de diferenciar fontes de rendimento dentro das suas carteiras - misturando estratégias de índice, fator e busca por alfa. Conhece os verdadeiros impulsionadores de rendimentos da sua carteira?

  • 3

    Usar ativamente toda a caixa
    de ferramentas de investimento

    Com o crescente universo de investimento à sua disposição, os investidores estão a orientar mais a atenção para uma maior indexação e uma busca por alfa e alternativas verdadeiras. Quando foi a última vez que analisou os produtos que usa?

    Faça o download agora

Porquê indexar mais?

Alterações regulamentares e o desejo de permanecer competitivo estão a levar os distribuidores a procurar wrappers mais económicos. Entretanto, o mercado ETF na Europa está a amadurecer rapidamente.

Exploramos como a indexação está a prejudicar a construção de carteiras e a ajudar os investidores a tornarem-se muito mais eficientes.

Poupar tempo

Determinar que gestores podem fornecer o verdadeiro alfa é uma tarefa que requer tempo, habilidade e esforço significativos. A indexação ajuda a reduzir a sobrecarga de governança na busca contínua de gestores que possam fornecer o verdadeiro alfa.

Gerir riscos

Muitas vezes, os investidores podem descobrir que estão a assumir riscos intencionais na sua carteira, como um efeito secundário das escolhas de seleção de produtos. A indexação oferece um maior controlo sobre a sua carteira, reduzindo o potencial de desalinhamento e riscos não intencionais.

Controlar custos

Uma seleção dos melhores gestores nem sempre cria a melhor carteira. A indexação não se refere apenas a reduzir os custos das carteiras em geral, mas também a encontrar formas potencialmente mais eficientes de obter resultados semelhantes.

Explore mais agora
carteiras melhores

A BPAS (Soluções e Análises de Carteiras da BlackRock) é uma equipa de consultores de investimento altamente qualificados, que procura fornecer ferramentas, análises e ideias líderes de mercado para capacitar os nossos clientes a tomarem melhores decisões de investimento e a ganharem novas perspetivas na construção de carteiras.

Solicite uma consulta à equipe BPAS agora

1A BPAS (Soluções e Análises de Carteiras da BlackRock) é uma equipa de consultores de carteiras que procura fornecer ferramentas, análises e ideias líderes de mercado aos nossos clientes. Através de envolvimentos personalizados e orientados para resultados, em torno da construção de carteiras e gestão de riscos, a equipa pode ajudar os clientes na afetação de ativos, reestruturação de carteiras e decisões de implementação.

2Soluções e Análises de Carteiras da BlackRock, de janeiro de 2017 a dezembro de 2018.

IBEM1019E-991330