Armando Senra

Head da BlackRock na América Latina

Armando Senra é responsável pela BlackRock na América Latina e está sediado em Nova York. Em seu cargo, ele é responsável por todas as atividades de negócios nos mercados da região. É integrante do Comitê Operacional Global, do Comitê Executivo das Américas e do Comitê de Capital Humano da BlackRock.

 

Antes de exercer a função atual, Armando foi chefe adjunto da BlackRock na América Latina e diretor geral nos Países Ibéricos, com base em Madri, responsável pelas áreas institucional e de wealth na América Latina, além de todas as atividades comerciais nos Países Ibéricos.

 

Os serviços de Armando para a BlackRock começaram em 1994, incluindo os anos na Merrill Lynch Investment Managers (MLIM), que se fundiu com a BlackRock em 2006. De 2003 a 2008, atuou como responsável pelas atividades globais de gestão de patrimônio internacional da MLIM, com sede em Londres, onde liderou equipes na Europa, Ásia, EUA e América Latina. Nessa função, Armando gerenciou todos os aspectos dos negócios, entre eles distribuição, estratégia de produtos e marketing, promovendo o aumento da participação de mercado da MLIM no segmento internacional de clientes private (sem considerar os EUA).

 

De 2000 a 2003, foi diretor da área de investidores private da MLIM, em Madri, onde formou uma equipe de investidores private. O cargo incluía o desenvolvimento de negócios nos Países Ibéricos, além da atuação como gestor de portfólio local, responsável por implementar portfólios modelo em mandatos separados.

 

Em 1998, Armando foi transferido de Nova York para Londres, onde se tornou chefe de distribuição de negócios de gestão de patrimônio global da EMEA, no Merrill Lynch. Iniciou a carreira em 1994 no Merrill Lynch, assumindo vários cargos nos escritórios de Nova York e Princeton.

 

Armando faz parte do Conselho de Administração da Americas Society/Council of the Americas.

Armando Senra

Head da BlackRock na América Latina

Armando Senra é responsável pela BlackRock na América Latina e está sediado em Nova York. Em seu cargo, ele é responsável por todas as atividades de negócios nos mercados da região. É integrante do Comitê Operacional Global, do Comitê Executivo das Américas e do Comitê de Capital Humano da BlackRock.

 

Antes de exercer a função atual, Armando foi chefe adjunto da BlackRock na América Latina e diretor geral nos Países Ibéricos, com base em Madri, responsável pelas áreas institucional e de wealth na América Latina, além de todas as atividades comerciais nos Países Ibéricos.

 

Os serviços de Armando para a BlackRock começaram em 1994, incluindo os anos na Merrill Lynch Investment Managers (MLIM), que se fundiu com a BlackRock em 2006. De 2003 a 2008, atuou como responsável pelas atividades globais de gestão de patrimônio internacional da MLIM, com sede em Londres, onde liderou equipes na Europa, Ásia, EUA e América Latina. Nessa função, Armando gerenciou todos os aspectos dos negócios, entre eles distribuição, estratégia de produtos e marketing, promovendo o aumento da participação de mercado da MLIM no segmento internacional de clientes private (sem considerar os EUA).

 

De 2000 a 2003, foi diretor da área de investidores private da MLIM, em Madri, onde formou uma equipe de investidores private. O cargo incluía o desenvolvimento de negócios nos Países Ibéricos, além da atuação como gestor de portfólio local, responsável por implementar portfólios modelo em mandatos separados.

 

Em 1998, Armando foi transferido de Nova York para Londres, onde se tornou chefe de distribuição de negócios de gestão de patrimônio global da EMEA, no Merrill Lynch. Iniciou a carreira em 1994 no Merrill Lynch, assumindo vários cargos nos escritórios de Nova York e Princeton.

 

Armando faz parte do Conselho de Administração da Americas Society/Council of the Americas.