Uma estrutura para nossos clientes

Como investir na transição para emissão zero

trabalhadores subindo escadas

Prezado cliente,

Estamos escrevendo para você como um cliente que manifestou interesse na transição para emissão zero. À medida que a transição se torna cada vez mais crucial para seus objetivos de investimento de longo prazo, é nossa responsabilidade ajudar a fornecer-lhe as respostas e as ferramentas necessárias para ajudar a abordá-la em sua carteira. A escolha de como abordar a transição, como sempre, permanece com você, e como seu fiduciário, nos comprometemos a ajudar a guiá-lo e aconselhá-lo à medida que ela se desenvolve.

Estamos ouvindo uma série de perguntas dos clientes sobre a transição - como posso proteger minha carteira contra riscos físicos e riscos de transição? Como posso medir e implementar meus compromissos emissão zero? Quais empresas irão prosperar na transição e quais não irão? Como faço para capitalizar a promessa de novas tecnologias? Como as diferentes empresas de hidrocarbonetos se adaptarão à transição e como isso afetará minha carteira? Estas perguntas são de importância crescente para os investidores a longo prazo - mas também são difíceis de responder, pois a economia passa por uma transformação tão profunda.

A descarbonização está avançando em diferentes velocidades em diferentes partes da economia e do mundo. Os choques que vemos hoje no setor de energia são um exemplo dos desafios que a transição representa. O aumento do investimento no fornecimento de energias renováveis superou a redução nem combustíveis fósseis. Agora, o aumento da demanda por combustíveis fósseis no reinício da atividade econômica e a diminuição da oferta fizeram subir o preço e o uso de gás, petróleo e carvão. Haverá períodos como este em que a energia tradicional funcionará bem - períodos que não devem ser vistos como contrários à transição, mas como parte dela.

Ao mesmo tempo, a transição para emissão zero também está avançando. A parcela dos países comprometidos com a emissão zero aumentou de menos de 10% para 95% das emissões globais. No início de uma mudança gigantesca1 de capital, os investidores destinaram seu dinheiro a investimentos sustentáveis em uma taxa de crescimento seis vezes maior do que a taxa de crescimento dos investimentos tradicionais, com ativos globalmente totalizando US$ 4 trilhões em todas as categorias de ESG.2 E houve uma mudança notável nos setores com uso intenso de carbono, da energia à indústria pesada, à agricultura, para descarbonizar e refazer seus negócios.

A velocidade e a forma da transição são profundamente incertas, e levará décadas para se concretizar. É essencial que governos, empresas e o mercado financeiro trabalhem juntos para gerenciar a transição de forma ordenada, garantindo o fornecimento de energia confiável e o custo ao longo do caminho.

A ambição e a eficácia de políticas governamentais será um fator importante para determinar o papel futuro dos hidrocarbonetos. Um planejamento eficaz e de longo prazo é necessário para oferecer alternativas de energia limpa com boa relação custo-benefício em escala. Sem isso, os hidrocarbonetos continuarão a desempenhar um papel central na economia global por muito mais tempo. Até hoje, as políticas públicas têm se concentrado principalmente na limitação do fornecimento de hidrocarbonetos, mas não fizeram o suficiente para atender à demanda - por exemplo, reequipando indústrias de uso intensivo de energia ou acelerando a adoção de fontes de energia de carbono zero - resultando em preços de energia mais altos em alguns casos. E, como vimos nos mercados emergentes, o aumento dos preços do gás natural também pode impulsionar o aumento do uso do carvão.

Hoje existe um grau significativo de incerteza sobre a transição. A questão, entretanto, não é mais se a transição para emissão zero vai acontecer, mas como - e o que isso significa para sua carteira. Nosso foco em entender como a transição para a emissão zero é impulsionada, como sempre, por nosso papel como fiduciário. Ele é baseado na nossa convicção permanente de que os investidores de longo prazo devem considerar as implicações em suas carteiras tanto do risco climático físico como da transição para emissão zero na economia real e que, tendo em conta estes fatores, eles podem gerir o risco de forma mais eficaz, aproveitar novas oportunidades de investimento, e obter retornos melhores no longo prazo. Aprofundamos nestes tópicos em um novo artigo do BlackRock Investment Institute, "Gerenciando a transição para emissão zero".3

Esperamos responder às suas perguntas sobre a transição e oferecer-lhe um conjunto abrangente de opções para ajudar você a abordá-las – seja inclinando suas estratégias amplas de mercado para serem mais conscientes do clima, investindo em empresas com uso intenso de carbono que estão transformando seus negócios, seja se expondo às novas tecnologias e modelos de negócios de um mundo de emissão zero. Temos o compromisso de oferecer uma gama completa de opções de investimento para ajudar você a encontrar o melhor caminho para você e seus stakeholders e, independentemente da abordagem escolhida, estamos profundamente empolgados em auxiliar você a navegar por essa transformação.

MARK WIEDMAN: Let's come back to the transition to a low carbon and ultimately net-zero economy itself. For you, Mads, when you look at the world, what's your sense of the pace of change you expect across the broad economy in Europe and in the world?

MADS NIPPER: I have to say that things are going too slow now. But I look with optimism with what is happening now. I can think that many companies, especially, are really picking up on the decarbonization journey. And I think the consumer demands will start to really gather momentum. The number of regulations we will see on markets, hopefully, also seeing carbon pricing, carbon taxes going up, and all of this will mean that a carbon economy is bound to accelerate very fast. I think first in Europe, but it will come in most parts of the world quite soon. So I think we will still be, for many, many years to come, we will still be in a situation where we would want it to go even faster. But I believe that what we are seeing now on the corporate side and with an increasing momentum on the consumer side across all sectors, I will remain optimistic that the transformation we need to see of the economy will be faster than we think.

Conversando com os verdadeiros líderes da emissão zero

Em uma nova mini-série no The Bid, Mark Wiedman, Chefe de Estratégia Internacional e Corporativa da BlackRock, senta-se com líderes empresariais para aprender como eles estão navegando a transição de emissão zero. Gravado em inglês.

Nos últimos dois anos, tomamos uma série de medidas para ajudar você a abordar a transição: considerações de risco ESG no nosso processo de investimento ativo, introduzimos mais de 200 novos fundos sustentáveis, construímos o Aladdin® Climate para ajudar você a compreender o risco físico e de transição em sua carteira; formamos Parceiros de Descarbonização para investir em tecnologias e negócios inovadores de descarbonização e estabelecemos uma estrutura de análise minuciosa para ajudar a gerenciar a exposição a riscos relacionados ao clima em carteiras ativas.

Estamos trabalhando para ajudar a endereçar algumas das questões mais difíceis relacionadas à descarbonização. Nossa Climate Finance Partnership (Parceria de Finanças Climáticas), um consórcio global de governos, entidades filantrópicas e investidores institucionais, está focada em investir em infraestrutura climática em mercados emergentes. E a BlackRock Foundation fez uma parceria com a Breakthrough Energy Catalyst, a fim de ajudar a aumentar a viabilidade comercial de tecnologias climáticas críticas.

Também realizamos medidas para aumentar a transparência para nossos clientes, incluindo a publicação de métricas implícitas de aumento de temperatura4 para nossos ETFs e fundos indexados abertos.5

Em 2022 e além, nosso objetivo é:

  • Construir e entregar as ferramentas de transição, análises e recomendações de carteira mais sofisticadas da indústria, impulsionadas pelo Aladdin e projetadas para ajudar os investidores a investir em meio a grandes incertezas sobre o ritmo da mudança na política e na economia real.
  • Oferecer a você uma estrutura para pensar em como investir na transição – um espectro sobre "navegar, conduzir e inventar." Com o capital já fluindo rapidamente para as tecnologias verdes, acreditamos que há também oportunidades de investimento significativas para os gestores que consigam identificar as empresas com uso intenso de carbono com as melhores estratégias para descarbonização.
  • Estabelecer uma nova capacidade para reunir os esforços da BlackRock focados no financiamento da transição e para incubar estratégias de investimento focadas na transição.

Ajudando a orientar você durante a transição

Há muito tempo, os clientes esperam que seu gestor de recursos tenha uma compreensão sofisticada da direção das taxas de juros, inflação e crescimento macroeconômico. Cada vez mais, eles esperam o mesmo entendimento sofisticado da transição para a emissão zero.

Para que os investidores naveguem na transição, eles precisam ser capazes de avaliar e moldar isto. É por isso que estamos criando o Aladdin Climate – uma coleção de dados, modelos, análises e ferramentas para ajudar os investidores a entender, reportar e agir sobre riscos físicos e de transição em seus portfólios e capturar oportunidades relacionadas.

Aladdin Climate analisa como os ativos e carteiras são impactados e contribuem para cenários climáticos e caminhos de descarbonização. A tecnologia integra estas análises em uma plataforma que os investidores utilizam para gerenciar riscos e investimentos. Estas métricas climáticas são entregues juntamente com as métricas financeiras tradicionais e capacidades de construção de carteiras, proporcionando aos investidores uma maneira consistente de avaliar riscos e identificar novas oportunidades de investimento.

Começando com Aladdin – e aproveitando os insights e as ferramentas proprietárias da BlackRock em mercados públicos e privados, nosso objetivo é construir o mapa mais claro da indústria sobre como a transição provavelmente se desdobrará através de tecnologias, setores e regiões. O Cenário de Transição da BlackRock (BlackRock Transition Scenario) colocará nossos recursos analíticos e de modelagem ao alcance dos gestores de carteiras e clientes para ajudar a iluminar o caminho para navegar, conduzir e inventar a transição.

Também estamos aumentando nossos recursos de investimentos sustentáveis por meio de ferramentas como a BlackRock Sustainable Investing Intelligence™ – nossa estrutura proprietária que vai além das métricas de contabilidade financeira tradicionais para identificar empresas que estão melhor preparadas para mitigar riscos e capturar oportunidades associadas à transição.

Além disso, o engajamento do time de Investment Stewardship da BlackRock com empresas sobre seus planos de transição é um aspecto essencial para informar nossas opiniões sobre a transição e promover valor a longo prazo para nossos clientes. Pedimos a cada empresa que ajude seus investidores a entender como ela pode ser impactada pelos riscos e oportunidades relacionados ao clima, e como esses fatores são considerados de forma consistente com o modelo e o setor de negócios da empresa. Os Princípios Globais6 do time de Investment Stewardship da BlackRock contêm mais detalhes sobre nossa abordagem.

 


Uma estrutura de transição: Navegar, conduzir e inventar

Depois de centenas de conversas com clientes para informar nosso pensamento, desenvolvemos uma estrutura para ajudar você a atingir seus objetivos de investimento à medida que a transição se desenrola. Embora ofereçamos várias maneiras de abordar a transição, todos eles reconhecem que uma compreensão clara da transição é vital para alcançar retornos melhores no longo prazo.

Os mercados já estão defendendo esse argumento – por exemplo, nossas pesquisas mostraram que mais empresas sustentáveis estão vendo seu custo de capital cair. E embora os curtos períodos de tempo não sejam determinantes, é impressionante que em 2021, 70 por cento de uma seleção dos índices do mercado amplo superaram seus equivalentes não ESG no final do ano, com desempenho médio de superior a 100 pontos base.7

No entanto, também acreditamos que os mercados estão apenas começando a precificar os efeitos da transição climática sobre os preçosv dos ativos, criando uma oportunidade significativa para nossos clientes. De fato, entender as caraterísticas de sustentabilidade é fundamental para nossa capacidade de gerar alfa, e à medida que a transição acelera, um entendimento dessas caraterísticas será ainda mais importante para superar o desempenho.

Navegar

No centro de qualquer abordagem de investimento sólida está uma compreensão não só de como o mundo é hoje, mas como poderá ser amanhã. Essa pergunta depende cada vez mais da compreensão da transição para a emissão zero – e da abordagem certa para navegá-la com eficácia.

Praticamente todos os clientes estão perguntando: como navego pela transição para gerenciar riscos e explorar oportunidades? Como penso no clima não apenas em termos de tecnologias verdes, mas em toda a economia? Como conciliar o papel contínuo dos combustíveis fósseis - mesmo a necessidade de investimentos contínuos a montante - com o impulso para acelerar a distribuição de energia limpa? Estas são dúvidas cada vez mais existenciais para a construção de carteiras, porque nenhum investidor pode se dar ao luxo de ignorar a transição à medida que ela acelera.

A navegação não se trata apenas de fazer uma alocação para investimentos sustentáveis. Trata-se de compreender da maneira mais precisa possível como as várias forças de descarbonização afetarão toda a sua carteira – por exemplo, como a evolução da tecnologia, os preços de energia, a política do governo e outros fatores interagem para criar um cenário de como a transição está se desenvolvendo, com implicações no nível de ativo, setor e carteira.

A BlackRock já oferece a você uma série de maneiras de navegar, incluindo estratégias de transição e inclinações de última geração que aproveitam dados, pesquisas e insights proprietários – customizando e otimizando para se beneficiar da descarbonização financeiramente material e dos objetivos de ESG alinhados às metas de nossos clientes. Nossas carteiras ativas são integradas ao ESG, o que significa que os gestores de carteira levam em consideração as características relacionadas à sustentabilidade dos emissores em suas decisões de investimento.

Em 2022, nos comprometemos a oferecer a você formas mais direcionadas de investir de acordo com a projeção de desdobramento da descarbonização.

  • Mais estratégias para permitir que os investidores "tornem verde o centro" de sua carteira acessando exposições de amplo mercado voltadas para o clima e aproveitando nossos insights da BlackRock Sustainable Investing Intelligence, incluindo possíveis opções para investidores focados na aposentadoria.
  • Também planejamos oferecer novas estratégias fundamentais e sistemáticas ativas e continuar a expandir nossas estratégias de iShares® para incluir parâmetros de comparação climática.
  • Expandiremos nossos recursos de Consultoria de Carteira e (OCIO) para incorporar a análise de transição climática e permitir uma maior personalização para possibilitar que nossos clientes alcancem seus objetivos exclusivos de sustentabilidade.

Conduzir

Dada a inevitabilidade da transição para emissão zero, acreditamos que a navegação deve ser a postura padrão dos investidores. Mas estamos ouvindo cada vez mais clientes que querem fazer mais do que apenas entender como a transição pode se desdobrar e ajustar suas carteiras como resultado. Eles querem ajudar a conduzí-la, posicionando-se para capturar valor e, ao mesmo tempo, contribuir para o progresso acelerado.

Neste contexto, muitos estão se perguntando: minha ambição deveria ser eliminar o máximo possível de carbono da minha carteira hoje, ou investir em setores com uso intenso de carbono que estão em processo de se tornar ecológicos? Parafraseando um investidor global focado no clima, ter uma carteira de carbono zero hoje não necessariamente leva à descarbonização amanhã.

Os mercados de capitais já estão canalizando capital para empresas com modelos de negócios ecológicos – como produtores de energia renovável, fornecedores de tecnologia de mobilidade elétrica ou empresas focadas em soluções baseadas na natureza. Acreditamos que uma oportunidade subestimada para os investidores que buscam impulsionar a transição reside na identificação de empresas que fazem uso intenso de carbono que se posicionam para conduzir a descarbonização em seus setores.

A transição para a emissão zero, naturalmente, levará décadas. A economia global continuará a contar com combustíveis fósseis, pois setores com emissões elevadas, como eletricidade, indústria e transporte, trabalham para descarbonizar. Algumas empresas estabelecidas, serão substituídas por novas tecnologias ou startups mais ágeis, e algumas perderão para os concorrentes que estão descarbonizando com mais sucesso. Mas muitas outras empresas prosperarão, proporcionando importantes oportunidades de investimento para nossos clientes, e os planos de descarbonização bem-sucedidos dessas empresas serão essenciais para uma transição ordenada. 

Como poderia ser a descarbonização bem sucedida a nível da indústria? Para uma empresa de serviços públicos, isso pode significar a negociação do fechamento antecipado de uma usina de energia alimentada por carvão e o uso de fluxo de caixa livre para investir na tecnologia de bateria em escala de rede. Para um produtor de aço, isso pode significar a substituição de altos-fornos tradicionais por fornos elétricos a arco. Para um fabricante de automóveis, ele pode estar se comprometendo com designs de veículos totalmente elétricos mais rapidamente do que seus concorrentes.

A BlackRock já oferece uma série de maneiras para os clientes conduzirem a transição – de uma das principais franquias de energia renovável do mundo, à nossa Climate Finance Partnership, a uma série de estratégias temáticas.

Em 2022, estamos aprofundando nosso foco na questão da descarbonização em nossa plataforma de investimento, integrando-a mais profundamente a nossas estratégias existentes e oferecendo novas estratégias ativas de mercados públicos, estratégias temáticas de índices e estratégias de títulos verdes. Além disso, nossas estratégias de mercados privados estão cada vez mais focadas em ajudar os clientes a acessar uma variedade de oportunidades voltadas para a transição, tanto em energias renováveis como em empresas que buscam a descarbonização.

Inventar

Por fim, os clientes terão enormes oportunidades de investir nas tecnologias e empresas necessárias para inventar aspectos importantes de uma economia verdadeiramente de emissões zero. Os clientes estão perguntando, como posso investir na tecnologia climática do futuro? Quais são os unicórnios climáticos do século 21 que terão o maior impacto na transição e gerarão retornos fora do comum?

Muitas dessas tecnologias existem, mas ainda não são economicamente competitivas – como hidrogênio verde, captura de carbono, cimento verde ou combustível de aviação sustentável. O capital é necessário para comercializar essas novas tecnologias e inventar outras, e muitos de vocês nos disseram que veem essa área como uma das oportunidades de investimento mais notáveis das próximas décadas.

No ano passado, anunciamos a formação de Parceiros de Descarbonização com a Temasek, que buscará fazer investimentos em empresas com crescimento em estágio inicial visando tecnologias comprovadas de mobilidade e renováveis de última geração. E ainda na semana passada, anunciamos a equipe de investimento dedicada, que já começou a identificar um interessante pipeline de oportunidades de investimento.

Este ano, estabeleceremos uma nova capacidade para reunir os esforços da BlackRock focados no financiamento da transição - um hub para estratégias seletas relacionadas à transição; uma incubadora para novas estratégias de investimento; e um fórum para a BlackRock se conectar com empresas, acadêmicos e outras organizações para entender melhor a transição e buscar as melhores oportunidades de investimento em nome de nossos clientes.

 


Conclusão

A transição é um processo que se desenrolará ao longo de muitos anos. Ela exigirá um planejamento cuidadoso e uma ação coordenada entre o governo, as empresas e os investidores. Acreditamos que ainda há muito a aprender sobre a melhor maneira de avançar, e sua voz e seus insights serão essenciais. Esperamos aprender e trabalhar juntos, e esperamos que você considere juntar-se a nós para uma sobre finanças de transição, que será realizada ainda este ano.

Estamos empenhados em ser os consultores e especialistas líderes mundiais nos investimentos na transição para emissão zero. Estamos empenhados em lhe dar as mais sofisticadas e atualizadas ferramentas de análise e o mais profundo entendimento de como a transição se desenvolverá. E estamos comprometidos em ajudar você a selecionar as opções de investimento que são certas para você e seus stakeholders É nosso privilégio trabalhar com você para navegar, conduzir e inventar essa transformação econômica e financeira.

Carta Anual de Larry Fink aos CEOs 2022
Por mais de uma década, Larry tem escrito aos CEOs destacando temas que são vitais para criar valor de longo prazo para nossos clientes. A pandemia acelerou a importância desses temas, levantando novas questões sobre como as empresas devem evoluir à medida que o mundo ao nosso redor muda.
Imagem de Larry Fink, Presidente do Conselho de Administração e diretor executivo da BlackRock

Inscreva-se para receber as Perspectivas da BlackRock

Please try again
Nome *
Por favor, digite um primeiro nome válido
Sobrenome *
Por favor, digite um sobrenome válido
Endereço de e-mail *
Por favor, digite um e-mail válido
Categoria do investidor *
Este campo é obrigatório
Empresa
Este campo é obrigatório
Cargo
Este campo é obrigatório
Localização *
Este campo é obrigatório
O quão familiarizado você est
Este campo é obrigatório
Que tipos de investimentos voc
Este campo é obrigatório
Você já investiu em ETFs? Est
Este campo é obrigatório
Obrigado
Obrigado
Obrigado por inscrever-se!Por favor, espere um e-mail dentro de 24 horas confirmando o status da sua assinatura.

Se você não recebeu um email, por favor entrar em contato conozco no latam@blackrock.com.