PERCORRER A NOSSA GAMA

Uma exposição de índice para cada investidor sustentável.

Sinalização rodoviária

Desde a eliminação de determinadas exposições até ao foco nas empresas que possibilitam a transição para uma economia de baixo carbono, existem muitas formas diferentes de integrar o investimento sustentável no núcleo da sua carteira.

A gama de fundos sustentáveis iShares cobre um amplo espetro de exposições e resultados.

É um investidor profissional? Clique aqui >


Capital sujeito a risco. O valor e a rentabilidade dos investimentos tanto podem diminuir como aumentar, pelo que não podem beneficiar de qualquer garantia. Os investidores devem estar cientes de que podem não recuperar o valor originalmente investido.

Selecione uma classe de ativos (opcional):
Fundos que adotam uma abordagem climática direta, alocando capital a empresas ou governos que se comprometem e tomam medidas contra as alterações climáticas, ou fundos que privilegiam uma abordagem climática indireta, como a redução do capital alocado a emitentes de alto carbono.

SUJEITOS A TRIAGEM

Fundos que procuram acompanhar índices que eliminam a exposição a determinadas áreas comerciais.

Termómetro

INVESTIR COM O CLIMA EM MENTE

Saiba como reduzir a exposição às emissões de carbono e aos combustíveis fósseis ou visar empresas com base em oportunidades climáticas.

REGULAMENTO SFDR: BREVE VISÃO GERAL

O regulamento da UE relativo à divulgação de informações relacionadas com a sustentabilidade no setor dos serviços financeiros (Regulamento SFDR) foi publicado em dezembro de 2019 e faz parte do Plano de Ação da UE para o Financiamento Sustentável. O objetivo do regulamento é harmonizar as normas de divulgação, criando um quadro comum para os investidores considerarem as credenciais sustentáveis de um fundo e compararem os fundos em relação aos seus riscos ambientais, sociais e de governação (ESG) e objetivos de investimento sustentável.


Os fundos enquadram-se no Artigo 8 ou 9 no âmbito do Regulamento SFDR:

  • Artigo 8: produtos que promovem características ambientais ou sociais e investimentos subjacentes que seguem boas práticas de governação.
  • Artigo 9: produtos que têm investimentos sustentáveis como objetivo e investimentos subjacentes que seguem boas práticas de governação.

O Regulamento SFDR é uma legislação aplicável a toda a UE que está a ser amplamente assumida pelos investidores como a nova norma para a elaboração de relatórios e oferta de produtos sustentáveis.

A BlackRock desenvolveu a sua abordagem de classificação para cumprir os requisitos do regulamento relativo à divulgação de informações relacionadas com a sustentabilidade no setor dos serviços financeiros (Regulamento SFDR) implementado em março de 2021. A BlackRock classificou todos os fundos no Artigo 8 ou 9 com base na nossa interpretação da classificação. Esta abordagem irá evoluir à medida que forem publicadas e implementadas outras orientações e legislações da UE, incluindo as Normas Técnicas de Regulamentação.