AÇÕES DE INVESTIMENTO

Como escolher os ETFs certos

22 mai 2017
por BlackRock

Com mais de 5.000 ETFs para escolher, construir o seu núcleo com ETF exige uma estrutura. Os investidores institucionais possuem extensos processos de devida diligência para selecionar produtos de investimento. Fazer cinco perguntas-chave pode ser uma abordagem simplificada ao selecionar ETFs para o núcleo da sua carteira.

Quão bem conhece o
seu fornecedor?

Considere a experiência do fornecedor de ETF no mercado ETF, assim como o tamanho, a escala, o histórico e o nível de compromisso do fornecedor para o setor de ETF e para gerir exposições versus uma regra ou um índice. Diferentes fornecedores de ETF têm diferentes filosofias de investimento. Acima de tudo, o seu fornecedor de ETF deve oferecer serviços de valor agregado, incluindo um site de fácil utilização com ferramentas para ajudá-lo a construir o seu núcleo.

Pode obter a exposição que deseja?

Os ETFs, mesmo dentro de uma determinada classe de ativos ou segmento do mercado, podem variar significativamente. Preste atenção ao índice e coloque ao seu consultor financeiro questões sobre diferenças entre produtos e a sua capacidade de monitorizar um índice ou referência de núcleo. Compreenda a exposição que deseja e assegure-se de que o ETF que seleciona inclui a mesma.

Existem implicações de risco e conformidade da estrutura de ETF?

Procure ETFs cujo design do produto equilibre a exposição desejada com custo e eficiência fiscal, assim como liquidez. Em geral, a estrutura de ETF pode ajudar a minimizar consequências fiscais indesejadas. De um modo geral, os ETFs tendem a ter um volume de negócios menor em relação aos fundos geridos ativamente, o que pode ajudar a minimizar os impostos sobre ganhos de capital anuais.

Pode negociar quando precisar?

Uma vez que os ETFs são negociados em bolsa, a liquidez é um fator enorme na razão de muitos investidores os utilizarem. Mesmo para as posições de núcleo, que são, por definição, a mais longo prazo, vai ainda desejar garantir que tem a capacidade de negociar quando estiver na hora de aumentar ou diminuir a sua exposição. No entanto, certifique-se de examinar a liquidez do próprio ETF, assim como a liquidez dos títulos subjacentes.

Qual é o custo total de propriedade?

Os custos de gestão são importantes, no entanto, todos os custos implícitos, incluindo o impacto comercial e de mercado, devem ser considerados. O seu consultor financeiro pode ajudá-lo a estimar o impacto da sua negociação antes de a mesma ser finalizada. Os ETFs iShares de núcleo de baixo custo são um excelente ponto de partida para serem consideradas como posições de núcleo para a sua carteira.

Começar