Guia de implementação da previsão de investimento trimestral

17 jul 2018
por BlackRock

A expansão económica global está a rolar. Estamos otimistas em relação às ações, mas esperamos uma maior volatilidade e rendimentos mais moderados daqui para a frente. A inflação retomou, mantendo a Reserva Federal no caminho para aumentar as taxas de juro. Os principais riscos incluem o aumento das tensões comerciais e um aumento renovado das taxas de rendibilidade das obrigações.

1. Espaço para executar

Os planos de revisão e de despesas de impostos dos EUA dispararam sob o crescimento de ganhos, que já estava a ganhar momentum à custa da força económica. Os pagamentos de dividendos e a recompra de ações são outro suporte, particularmente nos EUA, uma vez que as empresas procuram aplicar os seus ganhos excecionais.

Continuamos construtivos em ações, apesar de estarmos há nove anos num mercado em alta.

2. Recuo da inflação

A inflação dos EUA está a recuar para a meta da Reserva Federal. No entanto, acreditamos ser provável que demore algum tempo até se chegar a um sobreaquecimento económico que desafie o ritmo gradual das taxas de juro. A inflação continua moderada na Europa e no Japão, apoiando a política monetária acomodatícia que aí está em curso.

Nos EUA, esperamos que a inflação atinja, ou passe ligeiramente, a meta de 2% da Fed.

3. Menor recompensa do risco

O ano passado foi quase nirvana para carteiras diversificadas. Os rendimentos foram elevados e a volatilidade foi excecionalmente baixa. No entanto, uma mistura de rendimentos mais moderados e de volatilidade “normal” desafia essa dinâmica.

Um retorno da inflação e da normalização da Fed pode criar um desafio para os investidores que buscam retornos ajustados ao alto risco.

Previsão de investimentos trimestral
Os EUA estão a assumir a liderança em relação à Europa e à China na condução do crescimento global.
Saiba mais Saiba mais